Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Betim - MG e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Betim - MG
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Linkedin
Rede Social Youtube
Rede Social Twitter
Rede Social WhatsApp
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
07
07 ABR 2022
Prefeitura de Betim e entidades parceiras garantem continuidade de prática esportiva para alunos do Craei-RV
Foto Noticia Principal Grande
Alunos do CRAEI-RV que praticam a bocha.
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
A parceria entre a Prefeitura de Betim e as instituições Gerando Falcões e Ponte Inclusiva Pontinclusiva tem proporcionado novos recursos destinados aos alunos matriculados no Centro de Referência e Apoio à Educação Inclusiva (Craei-RV), ligado à Secretaria Municipal da Educação (Semed). A novidade virá agora com a busca de investimentos para os alunos que praticam Bocha, esporte paralímpico que é ensinado por professores do Craei-RV. A ideia é que, mesmo após a conclusão dos estudos, os alunos poderão seguir com os treinamentos para futuras competições.

A instituição betinense Pontinclusiva iniciou a captação de novos recursos para motivar os estudantes deficientes a continuarem praticando o esporte. De acordo com professores e coordenadores do Craei-RV, após a conclusão dos estudos, os alunos ficam desmotivados e sem perspectivas. Eles informam que a parceria da Pontinclusiva com a instituição paulista Gerando Falcões já oferece alguns benefícios aos estudantes, entretanto é necessário captar novos recursos para aquisição de kits de bocha e equipamentos específicos da modalidade para que os estudantes possam seguir com os treinamentos, além de competir em futuros campeonatos. 

“A bocha paralimpica tem aberto espaço para a inclusão esportiva de alunos com grau severo de comprometimento motor e comprometimento múltiplo, que são causados por paralisia cerebral e por outras deficiências severas de origem não cerebral. A atividade também pode ser uma excelente opção para que os praticantes possam exercer seu protagonismo na sociedade, explica o professor do Craei-RV, CEO e fundador da instituição Pontinclusiva, Danilo César. “Essa parceria contribuirá significativamente com o processo de inclusão e respeito às diferenças”, acrescentou.

“Ficamos encantados com a estrutura que o Craei-RV oferece e como os profissionais são bem capacitados. Ficamos felizes em poder conhecer de perto esse trabalho. Seria um sonho se existisse uma unidade como essa em cada lugar do país. Nosso trabalho é criar estratégias para intensificar as ações do centro e proporcionar a todos a continuidade na prática do esporte”, ressalta a analista educacional da instituição Gerando Falcões, Ana Lopes, que estava acompanhada do analista pedagógico, Tiago Santos, em visita ao Craei-RV. 

“O Craei-RV mudou minha vida. Sou grato a todos os profissionais que aqui atuam e que me motivaram todos os dias. Mas, quando concluí os estudos, acabei ficando só dentro de casa, sem nenhuma atividade e muito desmotivado. Com essa parceria eu posso continuar indo ao Craei-RV para seguir com o treinamento. Hoje, a bocha pra mim vai além de um jogo. Formamos uma bela família com os outros alunos e com as nossas mães”, conta o aluno Emanuel Rodrigues Costa, de 18 anos. 

Mãe do aluno Samuel de Oliveira, Camila de Oliveira relata que poder permanecer no projeto da bocha foi "a melhor coisa que aconteceu na vida do filho". "Samuel estava muito desmotivado. Eu não consegui convencê-lo a fazer nada. Graças aos professores e ao esporte, meu filho tem se superado a cada dia". 

Para a diretora do Craei-RV, Veridiana Souza, o trabalho de busca de parcerias é constante. "Estamos sempre buscando novos parceiros para complementar o que o Craei-RV já oferece aos nossos alunos. Temos orgulho de ser referência para muitas cidades da região metropolitana e até do Estado na prática da educação inclusiva”.

"Desenvolvemos um trabalho de excelência com o nosso Craei-RV. Essa parceria com as instituições Gerando Falcões e Pontinclusiva vem reforçar o trabalho que a prefeitura já faz", acrescenta a secretária municipal da Educação, Marilene Pimenta.
Seta
Versão do Sistema: 3.2.3 - 06/06/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia