Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Betim - MG e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Betim - MG
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Linkedin
Rede Social Youtube
Rede Social WhatsApp
Rede Social Twitter
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
24
24 ABR 2023
CHUVAS
ECOS
Reparos de danos provocados pelas chuvas em Betim somam cerca de R$ 20 milhões
Foto Noticia Principal Grande
Obra para contenção de encostas no bairro Capelinha. Crédito: Guga Ribeiro
enviar para um amigo
receba notícias

Município identifica áreas prioritárias que receberão obras para preparar cidade para o próximo período chuvoso

A Prefeitura de Betim, por meio da Empresa de Construções, Obras, Serviços, Projetos, Transportes e Trânsito (Ecos), vem realizando  intervenções em diversas áreas prioritárias para solucionar os impactos provocados pelo último período chuvoso - de novembro de 2022 a março deste ano. Emergenciais, as ações de recuperação e contenção de riscos tiveram início ainda no ano passado e já somam um investimento de cerca de R$ 20 milhões. 

A  lista de obras de manutenção inclui recuperação de pavimentação em vias (operação tapa-buracos); obras para melhorar a drenagem das vias públicas e desentupimento de bueiros; recuperação de pontes; desassoreamento de rios e córregos; obras para conter erosões; recuperação de estradas vicinais; demolições de construções em áreas de risco; limpeza urbana que abrange avenidas e leitos de rios com episódios de enchentes. 

Investimentos nos último anos

Além dos danos pontuais decorrentes do último período chuvoso, a prefeitura já vinha realizando uma série de obras em áreas de risco que foram mapeadas pela Superintendência de Defesa Civil. A partir de vistorias em diversos locais, estudos foram realizados para a elaboração de projetos e execução das obras, que tiveram como objetivo restabelecer a mobilidade urbana e garantir a segurança dos moradores dessas áreas. 

Com base nas demandas levantadas, a gestão municipal realizou, de 2019 para cá, intervenções para a contenção de encostas que receberam investimentos de cerca de R$ 13 milhões. Uma das obras de destaque foi a construção de gabião para contenção de encosta na rua Nestor Palhares, no Citrolândia, concluída em outubro de 2022. 

Outras seis obras de contenção de encostas foram realizadas na cidade:  no Campo 7 de setembro, no bairro Jardim Brasília; na rua Patrocínio, no bairro Vila Cristina; na rua Jeová Jiré, no Cruzeiro do Sul; na rua Duque de Caxias, no Alto Boa Vista, na região Citrolândia; na av. Hibisco, no bairro Alto das Flores; e na rua Heliotrópio, no bairro Nossa Senhora de Fátima. Outras intervenções contemplaram a construção de solo grampeado e cortina atirantada, também com a finalidade de contenção de encostas, na rua Dona Leonina, no Nossa Senhora das Graças; na rua Sílvia, no bairro Parque Fernão Dias; na rua Cachoeirinha, no bairro Capelinha; na rua Antônio Bernardino, no bairro Monte Calvário; e na rua Vicentina Gonçalves, no bairro Guanabara. 

Novas áreas prioritárias

“A Prefeitura de Betim já possui um levantamento de áreas prioritárias e parte já está com estudos concluídos e projetos elaborados. Temos seis obras em processo de licitação e devem ficar prontas ainda neste ano, antes do próximo período chuvoso. Realizaremos  intervenções  de contenção de encostas e construção de gabião que vão contemplar os bairros Laranjeiras, Citrolândia, Angola, Ingá, Nossa senhora de Fátima e Campos Elíseos. Também faremos, nos próximos meses, obras para mitigar o risco de enchentes, como a limpeza nas bacias de detenção do córrego Goiabinha, na região do Citrolândia, e do Riacho das Areias, na região do Alterosas”, explica a presidente da Ecos, Marinésia Costa Makatsuru.

Outros pontos que também recebem atenção especial do município são os bairros Vila das Flores, onde já foram realizadas demolições de casas que foram construídas de forma irregular em área de mancha de inundação do rio Betim, e Nossa Senhora de Fátima, local onde está em estudo a construção de uma bacia de detenção para conter o volume de água do córrego da avenida Cordiline e uma transposição para o rio Betim próximo ao bairro Sítio Poções. 

Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia