PESQUISE NO SITE
Insira seu endereço de e-mail


ESCOLA DA GENTE
......................................................................................................
 

Programa Escola da Gente é aprovado por 91% dos alunos, pais e educadores

 

As atividades do programa de Educação Integral de Betim, Escola da Gente, receberam aprovação de 91% das pessoas envolvidas na iniciativa. O dado faz parte do resultado de uma pesquisa recente feita, por amostragem, com 325 alunos, 211 pais, 136 monitores e 11 profissionais da equipe gestora nas dez escolas municipais onde o programa já está consolidado. Os números e outros referenciais da avaliação do Escola da Gente foram apresentados  pela coordenadora do programa,  Dalvonete dos Santos, durante solenidade na noite desta terça-feira, 24, no auditório do Centro Administrativo Papa João Paulo II.

 

Mais de 200 pessoas prestigiaram a cerimônia que teve o objetivo de apresentar um balanço das atividades do Escola da Gente desde junho deste ano, quando o programa foi implantado. Entre os presentes, estavam alunos e familiares, funcionários da Prefeitura, empresários, autoridades civis e militares e representantes dos 22 parceiros externos que contribuem para o funcionamento do programa na cidade.

 

Satisfeita com a articulação da rede que está sendo implementada para viabilizar a educação integral em Betim, a prefeita Maria do Carmo Lara agradeceu o envolvimento da sociedade. "Em fevereiro do ano que vem, o programa estará em mais 11 escolas, atendendo a 10 mil estudantes. Até 2012, nossa meta é estender o Escola da Gente a todas as 67 escolas da rede municipal. Por isso, é importante contar com o apoio de toda cidade", destacou. Atualmente, mais de 6 mil alunos estão inseridos no programa. 

O balanço dos seis primeiros meses de implantação do  Escola da Gente foi acompanhado também  de apresentações artísticas e musicais dos alunos do programa e pela exibição de um vídeo que retratou o dia-a-dia  da formação cidadã das atividades nas dez unidades escolares.



Uma escola do tamanho da cidade

 

Escola da Gente. Esse é o nome do Programa de Educação Integral de Betim que começou a ser implantado na cidade em junho deste ano. Em pouco mais de quatro meses de funcionamento, o programa já está presente em dez escolas da rede municipal de ensino e conta com mais de 6 mil inscritos. A proposta da Prefeitura é estendê-lo ao restante da rede até 2012.

 

Os alunos do Ensino Fundamental chegam ao Escola da Gente por adesão ao Programa. O participante tem dez horas de atendimento diário, de 7h às 17h. Além do ensino regular, ele recebe mais quatro horas de atividades extraclasse, o que inclui oficinas artísticas, culturais, esportivas e aulas de informática. Ele recebe também três refeições diárias e acompanhamento pedagógico com ênfase nas disciplinas de Português e Matemática.

 

A proposta de Betim está baseada no conceito de cidade educadora. O modelo está centrado na idéia de que as cidades exercem funções pedagógicas, além das atividades econômicas e sociais. Em função disso, o programa Escola da Gente busca envolver a sociedade na educação integral de crianças e adolescentes de seis a 14 anos. As atividades do contraturno são realizadas em diferentes espaços da comunidade.  Além das escolas, elas são desenvolvidas em clubes, praças, sítios, salões paroquiais, complexos esportivos, entre outros. As crianças e os adolescentes ganham mais tempo de estudo, novos locais educativos e oportunidades diversificadas para aprender.

 

O Escola da Gente é um programa do Governo de Betim. Por isso, é de responsabilidade de todas as secretarias municipais e não somente da Educação. Cada parceira presta contribuição de acordo com sua atividade fim. A Secretaria Municipal de Assistência Social, por exemplo, fornece lanches e almoço, por meio dos Restaurantes Populares. A Secretaria de Esportes disponibiliza monitores esportivos e a Fundação Artístico-Cultural de Betim (Funarbe), monitores culturais. Dessa forma, cada secretaria faz sua parte para que a Educação Integral seja, de fato, consistente em Betim.

 

 

 

Projeto leva alunos à releitura de Betim

 

"Meu Lugar é Aqui" será desenvolvido com alunos do programa Escola da Gente

 

Cerca de 150 alunos betinenses de 11 a 14 anos das escolas municipais Maria Elena Cunha Braz, Gino José de Souza e Maria da Penha dos Santos Almeida vão passar a olhar a escola, o bairro e a cidade por outros ângulos por meio do projeto "Meu Lugar é Aqui". A iniciativa, que será implementada a partir do dia 26 de agosto, pretende estimular a percepção dos alunos partindo da relação direta deles com o ambiente ao seu redor.

 

O projeto será desenvolvido pela Secretaria de Finanças, Planejamento e Gestão, por meio da Divisão de Planejamento e Geoprocessamento das Informações. São parceiros o Programa de Educação Integral Escola da Gente, a Fundação Artístico Cultural de Betim (Funarbe) e a ONG Pró Viver Criança.

 

De agosto a dezembro deste ano, os estudantes passarão por oficinas de percepção ambiental, história do bairro, GPS e mapas digitais, além de vídeo e fotografia.

 

Recursos técnicos. De acordo com uma das monitoras e coordenadora do projeto, Simone Maria Caixeta, os cursos terão oferta de recursos técnicos como mapas, plantas e imagens de satélites do bairro onde a escola está localizada. "Serão utilizados equipamentos, como smart-phones, câmeras e filmadoras, para que os alunos utilizem a linguagem cartográfica e audiovisual com a finalidade de produzir conhecimentos sobre o seu bairro e a sua cidade", explicou.

 

Por meio de atividades teóricas e práticas, os monitores dos órgãos envolvidos no projeto vão trabalhar os conceitos de paisagem, lugar, espaço, história e identidade. Ao final das oficinas, os alunos vão produzir livretos com a história do bairro construída por eles. Todas as propostas do projeto e as atividades desenvolvidas pelos alunos serão divulgadas no site do programa que já está no ar: http://www.betim.mg.gov.br/meulugareaqui.

 

Programação. O lançamento oficial do "Meu Lugar é Aqui" será na próxima quarta feira, 26, a partir das 9h30, na escola Gino José de Souza, no bairro São João e, a partir das 15h, na escola Maria Elena Cunha Braz, no bairro Icaivera. Já na escola Maria da Penha dos Santos, no bairro Cruzeiro do Sul, o lançamento será no dia 1º de setembro, a partir das 9h30.

 

Reconhecimento gera cuidado com a cidade

 

As atividades desenvolvidas pelo projeto "Meu Lugar é Aqui" vão incentivar os alunos das escolas municipais de Betim integrantes da iniciativa a ter mais apreço pela cidade. Para o secretário municipal de Finanças Planejamento e Gestão, Lessandro Lessa, a partir dos trabalhos do projeto, os estudantes darão início a uma história de cuidado com Betim. "Queremos formar cidadãos conscientes, que tenham responsabilidades com relação ao ambiente em que vivem, mas que também saibam que têm direitos que devem ser assegurados", concluiu o secretário.

......................................................................................................

Prefeitura Municipal de Betim

Rua Pará de Minas, 640 - Brasiléia - Betim-MG
CEP. 32.600-412 - Tel.: (31) 3512-3444 / 3512-3000

Resolução recomendada: 1024x768
Última Atualização: Quarta-feira, 16 de Abril de 2014 às 20:03:43